Facebook Pixel Fallback

Folie à Deux na Relação Mãe-Filha: Questões da Clínica e Política do Psicanalista com: Mauro Mendes Dias

O objetivo desse encontro é o de situar a folie à deux, desde a Psicanálise, de forma a mostrar como ela constitui o núcleo de ação da paranoia. Por extensão, pode-se recolher na relação mãe-filha o empuxo à não separação, extremado na folie à deux, enquanto introdutor de uma problemática dos gozos na mãe e na posição feminina.